segunda-feira, 23 de julho de 2012

HEMATÚRIA: Você sabe o que é?



Hematúria ou sangue na urina é um sinal que ocorre nas doenças renais e não pode ser ignorado pelos portadores, nem pelos médicos, em toda a urina, há sempre hemácias (sangue) em quantidade muito reduzida, a hematúria pode ser microscópica ou macroscópica.
Chamamos de hematúria microscópica quando a perda de hemácias é superior a três hemácias por campo microscópico na análise do sedimento urinário ou maior do que 15-20 hemácias/microlitro em exames quantitativos realizados por citometria de fluxo.
A hematúria macroscópica é reconhecida a olho nu pela cor vermelha, de lavado de carne ou marrom como coca-cola.
Qualquer hematúria deve ser cuidadosamente investigada, independente da intensidade, porque geralmente a intensidade não é proporcional à gravidade da doença renal.

Como se faz o diagnóstico?
Para saber se uma pessoa tem hematúria microscópica, é necessário realizar um exame de urina, a coleta de urina deve ser a primeira da manhã, após uma higienização externa para evitar contaminações.
Além do sangue na urina, outros dados do exame de urina podem auxiliar a encontrar a causa e o local da hemáturia, por exemplo, a presença de albumina (proteinúria) faz pensar em nefrites, o achado de bactérias e leucócitos (pus) sugerem infecção urinária, glicose na urina ocorre na diabete e assim por diante.
Como o exame de urina é usualmente empregado em avaliações de ”check up” é frequente o achado de hematúria microscópica assintomática.
Embora na maioria dos casos tal achado possa estar relacionado a situações fisiológicas (menstruação, exercício físico e atividade sexual), transitórias (instrumentação urológica, infecção urinária) ou doenças de caráter não evolutivo, a sua presença deve ser investigada pela possibilidade de associação com doenças potencialmente graves como neoplasias, infecções e obstrução do trato urinário, as causas de hematúria são muitas e por isto a investigação pode ser demorada e exigir a realização de radiografias, tomografias, ecografias e outros exames de sangue e de urina para complementar o diagnóstico.
Analisando todas as informações colhidas, pode-se encontrar mais de 80 causas de hematúria e a maioria delas são microscópicas; por isso a investigação da hematúria é difícil e demorada.

Principais causas
Como as causas de sangramento urinário são em grande número busca-se identificar inicialmente aquelas mais simples e frequentes: infecções urinárias, cálculos urinários, traumatismo renal, glomerulonefrites, nefrites hereditárias e rins policísticos, é importante também estar atento para a possibilidade de tumores dos rins, bexiga ou próstata serem a causa da hematúria.
                História de hematúria macroscópica
                Idade > 40 anos
                História de sintomas urinários irritativos
                Abuso de analgésicos
                História de irradiação pélvica
                Exposição ocupacional a agentes químicos (benzeno, aminas aromáticas)
                História de doença urológica
                História de infecção urinária recorrente (sobretudo em homens)


Os casos de hematúria estão relacionadas aos canais por onde passa a urina (ureter, bexiga, próstata e uretra) que podem ser atingidos por lesões inflamatórias, infecciosas, tumorais, congênitas, traumáticas, tóxicas e por cálculos urinários.
Há outras situações nas quais podemos encontrar urina de cor vermelha, mas que não significam sangue na urina, a urina pode ser tingida de vermelho por pigmentos ferruginosos, como a hemoglobina que é a proteína portadora de ferro dos glóbulos vermelhos, a mioglobina que é originária dos músculos também pode pigmentar de vermelho a urina.
Os pacientes portadores de defeitos congênitos ou próteses valvulares cardíacas podem, por problemas mecânicos, facilitar a destruição de glóbulos vermelhos, e com a liberação da hemoglobina corar a urina de cor vermelha.
Alimentos como beterraba, páprica e ruibarbo, medicamentos como piridium, rifampicina, laxativos como cáscara, sene e tranquilizantes (fenotiazidas) e outros pigmentos de inúmeras substâncias podem colorir a urina de vermelho.
O exame de urina afasta essa possibilidade de confusão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário